Home Ads

Primeira derrota

16:53:00

                 
O Botafogo entra em campo contra o Cruzeiro, vindo de uma vitória em casa e a raposa que ainda não venceu no brasileiro e zerada de gols, mas que obteve um bom resultado na Libertadores contra o Vasco da Gama. O que poderia preocupar o Glorioso.

Os dois times iniciam o jogo bem organizados em campo e com boas chances.

Aos 9 minutos do primeiro tempo, Rodrigo Lindoso dá um carrinho em Sassá e ganha um amarelo. Carrinhos em jogos que são bem desncessarios, já que em sua maioria sempre acabam em cartão ou alguém machucado.

A raposa joga com bastante chutes a gol e em todas as vezes sorte do Botafogo.

Em uma falta batida, Léo Valencia acerta o travessão de Fábio. Melhor chance do  Botafogo no primeiro tempo.

A cada contra ataque do cruzeiro a bola é desviada com olhar pelos botafoguenses. E Jefferson, sendo Jefferson.

Após receber um chute de de fora da área, como um gato Jefferson defende.

Notável que é clara a pressão do Cruzeiro no Botafogo para conseguir sair do zero a zero e o Botafogo sedendo.

Um primeiro tempo jogado pela raposa e defendido pelo glorioso.

Com tudo foi um bom primeiro tempo.

Vimos a vontade do Botafogo de jogar e defender. Caso não, já teria sido goleada.

O Botafogo foi obrigado a se retrancar, pois raramente conseguiu invadir a área do cruzeiro sem ser impedido no caminho.

Início de segundo tempo com mais dois cartões amarelos pro Botafogo.

Cruzeiro pressionando para conseguir um gol.

Brenner tem uma chance atrapalhada a gol, mas consegue chegar dentro da área adversária e fazer uma das poucas finalizações do alvinegro no segundo tempo.

Demorou mais saiu o gol do cruzeiro. 14 finalizações a 4, não restavam dúvidas que sairia um gol a qualquer momento.

Dedé balança a rede do glorioso de cabeça. Jefferson toca na bola, mas não dá, ela acaba entrando.

Segundo tempo e nada mudou. A mesma sensação de pressão do primeiro tempo e que a qualquer momento poderia sair um gol dos donos da casa.

Jogo se tornou frio para o Botafogo. Após 5 vitórias consecutivas ganhamos uma derrota.

Ainda tentamos empatar no final, mas seguimos com a derrota.

O Botafogo defendeu bem para não perder de goleada.

Os bons do jogo: Joel Carli e Jefferson. Apesar do gol sofrido, Jefferson foi o melhor em campo.

Perder é sempre ruim. Ficar atentos para não se tornar algo frequente, apesar de um time campeão temos nossas limitações e pudemos ver isso hoje.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.